Homem paga R$ 5 mil após sofrer chantagem por trocar nudes em MT

Golpista se passou por delegado e ameaçava denunciar vítima por pedofilia

Um homem de 31 anos procurou a Polícia Civil para informar que estava sendo chantageado e que o estelionatário pediu o depósito de R$ 5 mil para não divulgar fotos íntimas que a vítima teria trocado com uma mulher pelo Facebook.

Segundo o denunciante, o homem que pediu o dinheiro disse ser delegado em Porto Alegre (RS). Ele ligou dizendo que a garota com quem a vítima havia trocado fotos era menor e se não quisesse responder por pedofilia teria que entregar o dinheiro.

Ainda segundo o relato dele aos investigadores, uma garota enviou uma solicitação de amizade via Facebook e os dois começaram a conversar. Em seguida, passaram a trocar mensagens pelo WhatsApp. 

O homem declarou que a garota lhe enviou fotos nuas e insistiu para que ele enviasse também. Ao enviar as imagens, ela teria apagado sua conta do aplicativo de mensagens e da rede social.

Um dia depois de enviar as fotos íntimas, ele recebeu a ligação do suposto delegado pedindo a quantia em dinheiro para não fazer a divulgação. Ele acabou fazendo o depósito. Entretanto, posteriormente, um segundo suspeito que também se passou por delegado entrou em contato e pediu mais R$ 1 mil. Diante da segunda chantagem, ele decidiu procurar a polícia.

Fonte: Folha Max – Lidiane Moraes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.