Crescimento do agronegócio faz número de imóveis dobrar em 5 anos em Campo Novo do Parecis (MT)

Campo Novo do Parecis, a 397 km de Cuiabá, é cercado por lavouras e tem o quarto maior Produto Interno Bruto dos municípios voltados ao agronegócio. São R$ 3,4 bilhões movimentados por ano. O dinheiro do campo faz crescer a cidade. O número de imóveis dobrou nos últimos cinco anos.

O município de aproximadamente 45 mil habitantes possui agropecuária diversificada. Em cerca de 400 mil hectares, são cultivados soja, milho, algodão, cana-de-açúcar, feijão, milho pipoca e girassol, além da pecuária bovina, ovina e suína.

A previsão é que no primeiro semestre de 2022 começa a ser construída no município uma indústria de etanol a partir do milho, que deve gerar cerca de 1,5 mil empregos.

O cenário de prosperidade é demonstrado no Parque de Exposições do município, durante a 13ª edição da feira de agronégócio, a Parecis Super Agro, que ficou suspensa por dois anos por causa da pandemia da Covid-19.

Este ano a feira reúne 180 empresas que expõem e vendem seus produtos. A estimativa é de uma movimentação financeira de R$ 300 milhões. O evento começou nessa terça-feira (29) e segue até sexta-feira (1º), no Parque de Exposição Odenir Ortolan.

Nos estandes, máquinas agrícolas cada vez mais potentes e tecnológicas. As colheitadeiras podem até mesmo ter a produção monitorada pela internet para garrantir a eficiência do trabalho.

A expectativa é reunir em média 5 mil pessoas por dia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.