Oeste Rural Show: “Temos que combater as inverdades contra o Agro”, defende Camila Teles em Pontes e Lacerda

 

A nova comunicação no agronegócio foi debatida durante a palestra de encerramento da segunda edição da Oeste Rural Show, em Pontes e Lacerda, que foi proferida pela agro influencer e produtora rural Camila Teles, que tem ‘viralizado’ no Brasil e no exterior em defesa do setor.

Camila foi enfática na defesa de que a comunicação é uma ferramenta fundamental para combater as inverdades propagadas contra o agronegócio.

“Hoje virou moda não comer carne, ou falar mal do Agro, ou acreditar que toda nossa forma de produção é errada. Mas ninguém se preocupa com o desenvolvimento do país, ninguém se preocupa com a balança comercial e o que o agro representa para a economia do país”.

A influencer avalia que por uma questão cultural o agro ficou muito tempo em silêncio. “Nunca achou necessário comunicar como deveria, mas agora essa nossa juventude, esse nossa nova geração, que está nas redes sociais, está presente, precisa combater as inverdades. Esse é o ponto principal da comunicação no agro hoje”.

Eleita em 2021 pela Forbes como um das 100 mulheres mais influentes do Agro no mundo, Camila faz um alerta: “nosso papel como produtores rurais ou pessoas que trabalham de alguma forma no agro, é defender nosso setor e mostrar o que realmente acontece dentro das porteiras das propriedades. Não somos os vilões, sim parte da solução”.

Formada em relações públicas pela PUCRS, Camila é sócia fundadora da Hortaria (2016), possui MBA em Marketing estratégico (ESPM), foi assessora de comunicação da Confederação Nacional da Agricultura (CNA) e CEO da FarmCom.

Oeste Rural Show

Os quatro dias da Oeste Rural Show foram marcados por muita informação e formação, em 10 palestras que debateram os principais temas da atualidade ligados ao setor.

“A diretoria do Sindicato Rural de Pontes Lacerda agradece a todos os parceiros e a todos os visitantes que passaram pela Oeste Rural Show.
Nossos objetivos foram alcançados. Levamos informação e oportunidade de negócios para os produtores rurais e para a sociedade”, pontua Michel Leinat, organizador da feira.

A do público à feira encerra às 12h deste sábado (28). Já os produtores rurais vão participar de um leilão promovido pela Soma Leilões, que vai ofertar mais de 8 mil cabeças de gado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.