Jovem é libertado de cativeiro após ser sequestrado por facção criminosa

Três envolvidos no sequestro e cárcere privado de um jovem em Campo Verde (a 132 km de Cuiabá) foram presos em flagrante, no início da manhã desta segunda-feira (5), durante investigação da Polícia Civil do município. A vítima, de 22 anos, foi encontrada com as mãos e pés amarrados.

A equipe da Delegacia de Campo Verde, com apoio da Gerência de Operações Especiais (GOE), estava em diligências para cumprir um mandado de busca e apreensão no bairro Jupiara, contra um alvo investigado por tentativa de latrocínio ocorrida em 23 de agosto.

Ao entrar na residência alvo da busca e apreensão, os policiais civis encontraram um jovem, de 22 anos, mantido em cativeiro, com pés e mãos amarrados e deitado em um colchão.

Além do criminoso procurado, outras pessoa, que estavam tanto dentro da casa quanto nas proximidades, foram conduzidas à delegacia de Campo Verde.

 De acordo com o delegado Philipe de Paula Pinho, a vítima, que é do estado do Maranhão, havia feito uma foto com um sinal que, supostamente, remete a uma facção criminosa.

Na noite de domingo, a vítima foi sequestrada pelos criminosos, que tomaram seu celular e viram a foto. Depois, foi amarrada e levada ao cativeiro onde, possivelmente, seria executada nesta segunda-feira.

Entre os detidos, três deles participaram diretamente da ação criminosa e foram autuados em flagrante pelo crime de sequestro e cárcere privado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.